sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Das minhas necessidades

Imagem tumblr

Uma poesia, por favor.
Uma poesia que alegre,
Uma poesia que embeleze a casa,
Algo que eu possa pendurar na parede do quarto,
Algo que me receba quando eu chegar à noite, cansado.

Uma poesia, por favor.
Algo que tenha gosto doce,
Algo que me lembre um romance,
Algo que encha os olhos e o peito também.

Uma poesia, por favor, algo que me faça acordar,
Uma poesia em forma de música, em tons de azul profundo,
Uma poesia, duas, três...

5 comentários:

Marcello disse...

Só a poesia para limpar o ambiente e clarear a alma.
Beijos

Leandro Luz disse...

Demais!
Queria tanto saber escrever poemas assim.
;*

Flor com Espinhos disse...

é necessário!
tu escreve bem, Rafa!

Marina disse...

uma poesia assim.
:)

Gonçalo disse...

Rendido! Eu volto :)