sexta-feira, 8 de julho de 2011

Clarice Lispector

“Sobre cada dia ela se equilibrava nas pontas dos pés, sobre cada frágil dia que de um instante para outro poderia se partir e cair em escuridão. Mas ela milagrosamente o atravessava e exausta de alegria e cansaço chegava a dormir para o dia seguinte, surpreendida, recomeçar.”


(Clarice Lispector)


Weheartit

5 comentários:

Paulo Francisco disse...

Adorei ler clarice aqui.
Precisamos sempre de um bom sono e sonho para cpmeçar o dia seguinte.
Um beijo grande.

Thales disse...

Como bem disse Nietizsche nas entre linhas do Zaratustra, estamos abolindo o "mundo verdadeiro". Hoje mais do que nunca é preciso muitas vezes equilibrar-se nas pontas dos pés, com a sabedoria e delicadeza de uma bailarina. Sonhar e a cada novo dia desfazer, assim como fez Penélope, antigos pensamentos, antigos modos, para recomeçar de cara limpa...

Sandrio cândido. disse...

Querida escafandrista
ler Clarisse é sempre um prazer
ainda mais aqui
beijos

RosaMaria disse...

Clarice, sempre Clarice...

'Refugiei-me na doideira porque a razão não me bastava.'

Beijão
Bom findi.

Van disse...

Nos dias que por nós seguem sempre precisamos de um pouco de equilíbrio e de certo jogo de cintura...é a mágica chamada VIDA!

Lindo como é tudo aqui, flor ! Grande beijo !

www.meusescritoseoutraspalavras.blogspot.com

www.vidainversoepoesia.blogspot.com